Área do Usuário
   Portal da Transparência
Acessibilidade
A+
A-
Contraste
Retornar acessibilidade
  1. Home
  2. Notícias
  3. Saúde Única
Saúde Única

Governo do Paraná define assistência veterinária como atividade essencial


Publicado em: 23/03/2020 09:30 | Fonte/Agência: CRMV-PR | Categoria: Saúde Única

 


O governador do Estado do Paraná assinou neste sábado o decreto 4317/2020, no qual lista as 25 atividades essenciais que devem continuar em funcionamento neste período de paralisação. Entre elas estão a assistência veterinária e a produção, distribuição e comercialização de alimentos para uso veterinário.

A Associação Brasileira do Hospitais Veterinários (ABHV) preparou algumas orientações para que empresários e profissionais previnam colaboradores e clientes do contágio do Covid-19. Confira:

a) Limitar visitas de clientes aos pacientes internados e nos exames de imagem. Também importante que preferencialmente não haja mais de um acompanhante numa eventual consulta no sistema veterinário.

b) Disponibilizar álcool gel em todos os setores do estabelecimento e oferecer seu uso ao cliente/tutor.

c) O atendimento veterinário deve ser mantido devido sua relevância, entretanto com o rigor máximo nos cuidados sanitários dos animais, ambiente e em relação ao cliente.

d) TODAS AS DEMAIS RECOMENDAÇOES DOS ORGÃOS PUBLICOS DE SAÚDE DEVEM SER SEGUIDAS RIGOROSAMENTE.


O Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV) também preparou algumas orientações para pet shops e agropecuárias:

Por comercializarem alimentos e medicamentos veterinários, considerados itens básicos de subsistência e saúde, os pet shops e casas agropecuárias são estabelecimentos importantes para a nutrição dos animais e venda de insumos farmacêuticos de uso veterinário, devendo manter estoque normal, evitando deslocamentos incertos dos tutores à procura da ração e medicação para os animais de estimação.

Durante o período crítico de contenção da doença, a parte estética de banho e tosa, no entanto, deve ser evitada, estimulando que os tutores, preferencialmente, realizem a higiene dos pets no próprio domicílio.


Voltar
Top