Área do Usuário
   Portal da Transparência
Acessibilidade
A+
A-
Contraste
Retornar acessibilidade
  1. Home
  2. Notícias
  3. Saúde Única
Saúde Única

CRMV-PR passa a integrar câmaras temáticas no Conselho Estadual do Meio Ambiente


Publicado em: 12/06/2019 15:35 | Fonte/Agência: CRMV-PR | Categoria: Saúde Única

 


O Conselho Estadual do Meio Ambiente (CEMA) do Paraná esteve reunido nesta terça-feira (11), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, para sua 100ª reunião ordinária, em encontro no qual foi dada posse ao presidente e definida a composição das Câmaras Temáticas; o CRMV-PR garantiu sua participação com membro titular na Câmara de Economia e Meio Ambiente, e suplente na Câmara de Biodiversidade.

Para Leonardo Nápoli, secretário-geral da Autarquia que integra o CEMA como representante do CRMV-PR, a participação de médicos veterinários e zootecnistas neste seleto grupo é fundamental. “A medicina veterinária tem um papel de destaque nas questões ambientais, uma situação recente foi a importante atuação dos médicos veterinários na contingência dos danos causados pelos desastres de Mariana e Brumadinho. Não menos importante é a zootecnia, com o seu olhar na produção animal de forma a garantir cadeias produtivas em sintonia com o desenvolvimento sustentável”, destaca.

Outra representante do CRMV-PR no CEMA é a médica veterinária Letícia Koproski, que integra a Comissão de Animais Selvagens. Para ela, a atuação de médicos veterinários e zootecnistas em busca do equilíbrio entre a saúde animal, humana e do meio ambiente reforçam a importância da participação da Autarquia nas câmaras temáticas que agora integram.

“Essas premissas permeiam nossos Códigos de Ética e são intimamente compartilhadas com a missão do Conselho Estadual do Meio Ambiente. A participação nas câmaras temáticas de biodiversidade e de economia e meio ambiente permite o compartilhamento e a inserção de nossos conhecimentos científicos e tecnológicos nas mais diversas áreas relacionadas com a conservação, saúde e produção animal”, ressalta. Koproski afirma ainda que os profissionais de medicina veterinária e zootecnia poderão aplicar seus conhecimentos específicos na tomada de decisões e elaboração de políticas que tenham como objetivo a proteção e a conservação do ambiente no Paraná.


Voltar
Top